Página Principal, Busca ... Introdução, Objetivo, Créditos ... Borboletario da ESALQ Plantas Hospedeiras e Viveiros Veja a metamorfose completa de uma espécie Entre em contato
 

Apresentação

Introdução

A Ordem Lepidoptera é composta pelas borboletas e mariposas, cujas formas imaturas, chamadas lagartas, são na maioria fitófagas (se alimentam de plantas).
É um inseto de desenvolvimento completo, isto é, apresenta as fases de ovo, lagarta, pupa e adulto. As mariposas podem ter lagartas urticantes, e muitas espécies têm um csulo protegendo a pupa. Nas borboletas as lagartas não são urticantes e não formam casulo, pois as pupas são nuas e suspensas ou succintas. Em número de espécies, esta ordem é a segunda dentro da Classe Insecta, só perdendo para a Ordem Coleoptera (os besouros).
A partir de janeiro de 2000 iniciaram-se as pesquisas voltadas ao Borboletário, a fim de identificar e avaliar as espécies potenciais, aspectos biológicos dos insetos, criação massal, manutenção da população e estudar a própria estrutura do Borboletário.

Objetivo

O principal objetivo do Borboletário da ESALQ/USP é a pesquisa sobre espécies potenciais e a possibilidade de criação massal, para prever a produção de borboletas, nas diferentes épocas do ano.

Créditos

Evoneo Berti Filho
Professor Titular
Departamento de Entomologia e Acarologia
ESALQ/USP

João Ângelo Cerignoni
Técnico Especializado
Departamento de Entomologia e Acarologia
ESALQ/USP

Heraldo Negri de Oliveira
Técnico Especializado
Departamento de Entomologia e Acarologia
ESALQ/USP

Carlos Giovani Tonet
Estagiário
Departamento de Entomologia e Acarologia
ESALQ/USP

Regina C.B. Moraes
Analista de Sistemas
Departamento de Entomologia e Acarologia
ESALQ/USP

Andrés Enrique Lai Reyes
Eng.Agrônomo
Analista de Sistemas
CIAGRI/USP

Ivan Fonseca
Estagiário
CIAGRI/USP